Em reunião com os deputados estaduais do PP na última segunda-feira (11), o governador Rui Costa (PT) teria acenado para a possibilidade de repartir os cargos de coordenação do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-BA) com as diversas legendas da base de apoio. 

 

A diretoria do departamento, no entanto, deve ir para um nome técnico da cota pessoal do governador. A estratégia de dividir os demais cargos, de acordo com parlamentares ouvidos pelo Bahia Notícias, seria uma forma de Rui equacionar a distribuição de vagas no segundo escalão entre aliados. 

 

O Detran é objeto de desejo pela importância social e pela grande circulação financeira. Atualmente o departamento faz parte da cota do Podemos, mas virou objeto de desejo de partidos que perderam cargos com a reforma administrativa do estado. 

 

ANÚNCIO DO SEGUNDO ESCALÃO
A decisão final do governador sobre o segundo escalão deve ser anunciada após esta sexta (15), assim que Rui se reunir novamente com a bancada do PP. Até lá, o grupo de estaduais da sigla espera emplacar o nome de Luiz Augusto (PP) na gestão. 

 

O ex-deputado foi indicado pela legenda para a Secretaria de Infraestrutura Hídrica E Saneamento (Sihs), mas não teve o nome aprovado. O novo destino sugerido para o ex-parlamentar a Rui foi a Companhia de Engenharia Hídrica de Saneamento da Bahia (Cerb) (veja aqui). 

BN

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *