A Petrobrás afirma que não houvevazamento de benzeno na Refinaria Landulpho Alves, que fica situada na cidade de Madre de Deus, na região metropolitana de Salvador, segundo nota divulgada nesta segunda-feira (16).

De acordo com a empresa, o que ocorreu foi o vazamento do gás nitrogênio, em que foi detectado hidrocarbonetos e benzeno, mas “perfeitamente enquadrados dentro dos limites estabelecidos na legislação”.

Não há registro de danos ambientais e impacto na saúde do trabalhador, informa a Petrobrás. “A unidade está em parada programada para manutenção e não produz benzeno”, acrescenta a nota.

Equipe do Centro Estadual de Referência em Saúde do Trabalhador (Cesat) deve realizar uma inspeção na terça-feira (17) na Refinaria Landulpho Alves. O Cesat apura denúncia do Sindicato dos Petroleiros da Bahia (Sindipetro-BA) sobre o vazamento de benzeno na manutenção da U-30/31.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *