O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou que professores e funcionários de escolas deveriam ter preferência, dentro da lista de prioridades, para receber a vacina contra a Covid-19.

Para Biden, os professores e as pessoas que trabalham nas escolas, no refeitório, deveriam estar na lista preferencial para receber a vacina.

Em uma sessão de perguntas do público transmitida pela rede americana CNN, Joe Biden alerto que é preciso garantir que todos, desde os trabalhadores de limpeza e de manutenção, possam estar de fato protegidos.

A recomendação do presidente americano é a mesma definida pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), ainda no final de dezembro do ano passado. No entanto, apenas 28 estados e a capital Washington, começaram a vacinar este grupo.

No Brasil, entidades representativas dos educadores como a APLB Sindicato na Bahia, também defendem que os funcionários das escolas sejam vacinados de forma prioritária, principalmente porque em alguns estados as aulas presenciais já foram retomadas e outros discutem essa possibilidade. Aqui na Bahia, o governador Rui Costa tem defendido que sem vacina para a maioria da população é inviável retomar as aulas de forma presencial. Com informações do G1.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *