O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), arquivou o pedido para que o caso sobre os supostos candidatos-laranja do PSL seja encaminhado para a Corte. A decisão, tomada na última sexta-feira (8), atende a pedido do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio.

 

Em fevereiro, a defesa do ministro foi ao STF alegando que as supostas irregularidades teriam sido cometidas no exercício do mandato de deputado federal e em função do cargo. Fux discordou e negou no último dia 26 o pedido para que o caso fosse ao Supremo.

 

A defesa do ministro então entrou com recurso para levar o caso ao plenário, mas desistiu em seguida a pedido do próprio Marcelo Álvaro Antônio. A ação sobre os candidatos-laranja do PSL tramita atualmente na Justiça de Minas Gerais.

BN

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *