Mais de 2,6 milhões eleitores que não votaram nem justificaram a ausência às urnas nas últimas três eleições, estão em situação irregular, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). De acordo com o Tribunal, quem não acertar as contas com a Justiça Eleitoral até o próximo dia 6 de maio pode ter o título cancelado.

O título de eleitor é necessário para obter passaporte ou carteira de identidade e para receber vencimentos, remuneração, salário ou proventos de função ou emprego público, autárquico ou paraestatal, bem como de fundações governamentais, empresas, institutos e sociedades de qualquer natureza, mantidas ou subvencionadas pelo governo ou que exerçam serviço público delegado.

O eleitor pode consultar sua situação através do portal do TSE. A multa, para quem estiver em situação irregular, possui o valor de R$ 3,50.

METRO 1

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *