O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, ordenou a instauração de dois processos para apurar indícios de fraudes financeiras cometidas por PP e PMDB, com base em documentos da Operação Lava Jato. De acordo com informações de O Globo, a abertura das investigações foi determinada após pedido da corregedora do tribunal, Maria Thereza de Assis Moura, na última terça-feira (9). Ela também pediu que as contas da campanha de 2014 do senador Aécio Neves sejam investigadas por indícios de irregularidades. No requerimento, Maria Thereza afirmou que a conduta atribuída aos partidos é grave. “Uma vez comprovadas tais condutas, estaríamos diante da prática de crimes visando a conquista do poder e/ou sua manutenção, nada muito diferente, portanto, dos períodos bárbaros em que crimes também eram praticados para se atingir o poder”, assinalou. Na semana passada, Gilmar autorizou abertura de um processo para apurar suspeitas de fraudes na contabilidade do PT. A ação pode culminar na cassação do registro do partido.

 

Fonte: Bahia Notícias

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *