Estados e municípios passarão a ter a partir deste ano de 2018 ampla autonomia para aplicação de recursos repassados pelo Ministério da Saúde. Os R$ 75 bilhões transferidos pelo Ministério da Saúde poderão ser usados de acordo com os interesses de cada gestor, observadas as recomendações dos planos locais de saúde. “É uma revolução”, afirmou o ministro da Saúde, Ricardo Barros.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *