O caso do adolescente de 14 anos que levou uma arma para a escola particular de ensino básico onde estudava e atirou contra seus colegas na sala de aula, provocando a morte de dois e ferimentos em outros, chocou a população. Alunos da escola confirmaram que o autor dos disparos era vítima de piadas maldosas. Segundo um colega do 8º ano do Ensino Fundamental ouvido pela polícia, o adolescente era chamado de “fedorento” e “sujo”, porque não usaria desodorante. Ele já teria ameaçado de morte alguns colegas e suas famílias.  Essa situação nos faz refletir sobre o Bullying. Para esclarecer algumas questões sobre o assunto, o Recôncavo Notícias conversou com a psicóloga Jacilda Passos Santos, que é especialista em Neuropsicopedagogia. Ela começa explicando como o professor deve conduzir uma situação de bullying na sala de aula.

Como deve ser a conduta dos pais quando seus filhos são vítimas de bullying?

Tanto a vítima quanto o agressor precisam de tratamento psicológico?

Jacilda Passos (Psicóloga Clínica na abordagem Psicanalítica com crianças, adolescentes e adultos, com experiência na área escolar. Ela atende na clínica FISIOMED, em Santo Antônio de Jesus).

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *